Sônia Mercantine. Coleção: Os Noias

sonia-mercantine-lu-apeternostro

Pinturas-objetos. “Sônia Mercantine” (P100)
Técnica mista sobre painel. 30x05x30 cm(CxAxL)
Lu Paternostro


Sônia Mercantine,

Sônia é conectada ao céu por seus cabelos, cacheados, cor de fogo, e à terra, com seu pesado casaco marrom.
É duro admitir, mas ela é a mais inteligente da turma dela. Por isso prefere se isolar.

De suas orelhas saem mãos falando em libras. As querem surdas e mudas para sempre. Elas e nem a Sônia, aguentam mais a voz humana. Cansa, porque ela tem todas as informações do mundo e as retorna, sempre, para o seu mundo. Isso gera um turbilhão de palavras em um eterno fluxo manifestado. Mas ela acha esse fluxo bonito, e não para de falaaar para ouví-lo eternamente! Acho isso feio pra danar!

Das “mesas-olho”, uma está desenvolvendo a consciência. Porém, o ambiente da mente da Sonia está tão tóxico, que uma delas preferiu se proteger: usa um capacetinho que a impede de ver as coisas tão nítidas como gostaria, para se livrar dos pensamentos chatos da Sônia.

A má notícia é que, parece, que alguns olhos das mesas já estão se apagando e, de repente, todas podem morrer ao mesmo tempo.

Aquele que nascem dos seus olhos da Sônia, aprenderam a ser saqueadores mentais: eles roubam sua atenção e apagam sua consciência por alguns momentos. Mas, depois de um tempo, parece que tudo retorna e volta a ser normal, mas não é bem assim! Se ficar um pouco mais atento, notará o que ela te roubou.

Ela tem poder, pode confiar!



O Antônia Zoio. Coleção: Os Noias

o-antonia-zoio-lu-paternostro-noias

Pinturas-objetos. “O Antônia Zoio” (P101)
Técnica mista sobre painel. 30x05x30 cm(CxAxL)
Lu Paternostro


O Antonia Zoio

Lamento muito, mas parece um erro grosseiro, né?
Porém o nome dele ou dela, é mesmo “o Antônia”. Veio assim!

O Zoio é o hominho do lado esquerdo. Mas tem dois e você diz: e qual é o lado esquerdo, já que todo mundo confunde? Chegue à conclusão você mesmo e mais: esse outro, que não é o Zoio, eu não sei como se chama. Paciência. Se quiser, dá o nome pra ele!

O Antônia é como uma pequena palavrinha, que voa ao vento. Um sussurro, fluido. Mas seus olhos muito, mas muuuuito abertos, não querem perder nada – olham tudo, olham o grande universo. Não é como você pensa, não fitam você. Fitam muito, mas muito além de você!

O Antônia tem muitos sonhos que podem ser atingidos, mas através das cabecinhas do Zoio.
E elas são incrivelmente sábias. Elas são as únicas que podem ver as “mesas-olho” como sensíveis protetoras.

Quando tudo se desligar, tudo vai voar pelo universo do azul. E se é a Antônia ou o Antônio, não será mais nada importante.



Lucinéia do Canhamo. Coleção: Os Noias

lucineia-do-canhamo-lu-paternostro-noias

Pinturas-objetos. “Lucineia do Canhamo (P102)
Técnica mista sobre painel. 20x05x20 cm(CxAxL)
Lu Paternostro


Lucinéia do Canhamo

Lucinéia era meio alucinada. Ficava falando a mesma coisa, todos os dias de sua vida.

Vivia dentro de um tubo tecido por linhas mentais muito fortes. Vivia no tubo, ao mesmo tempo que tinha os olhos vidrados numa ampla janela que a chamava. E que janela é essa? Uma janela que conectava com essa flor, linda, que você pode ver em sua testa e que ela, ela mesma, nem percebe que esta lá.
Nunca percebe! Essa linda flor, que gira lentamente às vezes para um lado, às vezes para outro, conectava com a grande janela, a janela do todo!

Ela andava meio angustiada e ficava com coisas bobas na cabeça enquanto tudo em sua volta acontecia feliz, iluminado e fluido, independente dela e de seu tubo, às vezes tão fechado, que a sufocava.
Às vezes uma luz aparecia, sua flor brilhava mais e a janela se iluminava toda.

Ela não via nada! Estava presa no seu tubo, tão firme e forte, que ela nada percebia
Mas, calma, um dia ela vai acordar e, quando acordar, vai ver tudo à sua volta: a flor que gira, a janela que brilha e um grande sorriso nascerá em seu rosto, para sempre!!

Lucinéia do Canhamo é a esperança em nós! 



Nhoma. Coleção: Os Noias

nhoma-lu-paternostro

Pinturas-objetos. “Nhoma” (P101)
Técnica mista sobre painel. 30x05x30 cm(CxAxL)
Lu Paternostro


Nhoma

A Nhoma, queria voar.

Mas não conseguia. Ela é meio perturbadinha.

Vivia tendo interferência de suas atormentadas baratas mentais, bastante perturbadinhas também!

Mudou de casa, morou em outros países, planetas e até outras dimensões. Nada a livrava delas. As baratas cresciam, criavam olhos, bocas, evoluíam, se especializavam na Nhoma, tornavam-se adultas e saiam pelo mundo, entrando nos outros pelos ouvidos e imaginação.

Adoravam ser o que mais sabiam ser: baratas mentais se espalhando por tudo, todos! Fortes, sim, resistentes! E cada vez mais entre nós, Nhomas despercebidas, querendo chupar o líquido que sai de nossas medulas existenciais.
Essas baratas criam-se na gente.

Parece que temos um buraco aberto dentro da gente para gestar essas coisas viventes.



Ex-Votos da Mão-Olho

Pinturas-objetos. “Olho Mão Olho Fundo Vermelho” (P104)
Técnica mista sobre painel. 30x05x30 cm(CxAxL)
Lu Paternostro


Ele morreu. Explodiu. Estourou. Mas estava Consciente.


R$ 420,00


Valor do frete não incluso no preço da peça.

Entendendo as medidas:

medidas-lu-paternostro

NOTA: Trata-se de uma peça de arte, portanto com a finalidade de decorar.
As peças não podem ser expostas ao sol intenso ou mesmo indireto muito próximo, pois o sol destrói os pigmentos das tintas com o tempo. Embora levem uma boa camada de verniz, as peças não podem ser lavadas com frequência. Para limpeza, basta um pequeno pano seco, suave, que retira a poeira. Com o passar do tempo, o verniz pode sofrer um amarelamento, devido à ação da luz, dando às peças um tom mais natural.